top of page
Buscar
  • Foto do escritorScheila Adriane

Conexão com nossos lares presente e passado. -Por Inelia Benz.

Atualizado: 28 de jul. de 2023


Larry e eu estávamos dirigindo para a reserva conversando sobre a energia em torno de nossas conexões com a terra e as casas que possuímos ou alugamos. A conversa surgiu porque o conceito de comprar ou vender casas e terrenos tem muita atenção e grandes quantidades de capital e chi envolvidos. A energia e as conexões que desenvolvemos, ou deixamos de desenvolver, quando possuímos ou moramos em algum lugar tornam-se aparentes quando a pessoa sabe o que procurar.

Existem várias energias a serem observadas quando se trata de como e por que nos conectamos com os lugares que possuímos ou pelos quais pagamos. Farei uma pequena lista daqueles que considero os mais relevantes para estarmos cientes, para que nossas vidas possam dar um passo extra para expandir a consciência e a alegria.

  1. Somos uma espécie conectiva e conectada. Isso significa que nosso estado natural como seres humanos, tanto no nível do corpo físico quanto no nível da alma, é que nos conectamos natural e continuamente com nosso ambiente, outras pessoas, plantas e seres. Essa conexão pode ser muito grande, ou muito pequena, mas nunca está ausente.

  2. Objetos sólidos, como casas, terrenos e itens sobre eles, e as coisas que possuímos, bem como os seres já existentes, como animais, insetos e seres incorpóreos, tornam-se nossas “cargas”. Em outras palavras, nos tornamos capazes de responder a eles e para eles. Nós nos tornamos responsáveis ​​por eles.

  3. Quando compramos um imóvel, mesmo que tenhamos um empréstimo sobre ele, o imóvel passa a ser de nossa responsabilidade. Ele também começará a vibrar em nossa frequência pessoal. Se comprarmos junto com outras pessoas, a frequência será como uma harmonia que inclui todas as pessoas que a compraram e a mantêm unidas. Quando a compra é por meio de um credor, a energia do credor não está no terreno, a menos que a pessoa não pague o empréstimo. Nesse ponto, o credor se torna o proprietário e sua frequência assume a propriedade.

  4. Quando alugamos um local, o mesmo vale para as frequências, mas apenas pelo período em que pagamos pelo local. Isso é verdade, seja um quarto de hotel por uma noite ou um aluguel de dez anos em uma casa. A diferença é que o local também carrega a energia dos proprietários e estamos vinculados ao contrato e acordos de nossa habitação. Seria mais próximo da frequência de propriedade de um grupo. Dependendo da liberdade que o proprietário dá ao inquilino em seu contrato, a frequência pode ser maior ou menor do inquilino em relação ao proprietário.

  5. Quando nos mudamos de lugar, seja porque estamos vendendo ou porque nosso aluguel acabou, temos que nos preparar energicamente para tirar nossas frequências dele, preparar o lugar para o próximo proprietário ou inquilino e nos preparar para o nosso próximo lugar. O tópico sobre o que fazer para uma compra e venda de imóveis saudável e solidária será abordado em uma aula que acontecerá em julho de 2023.

  6. À medida que nos tornamos conscientes da conexão em um nível físico, energético, emocional, mental e etéreo, estamos mais preparados para nos conectar com esses lugares, bem como para liberar conexões que às vezes ainda temos com lugares anteriores que possuímos ou moramos. Incluindo aqueles lugares onde moramos quando crianças.


Um exercício muito simples e eficaz que você pode fazer imediatamente é limpar seu espaço atual. Você pode fazer isso fisicamente e também energeticamente. O vídeo onde limpo um quarto de hotel com a Daniela, é ótimo para você fazer na sua nova casa, ou em qualquer lugar que você esteja alugando por um dia.

Deixe-me saber como é sua conexão com sua casa ou quarto antes e depois do exercício de limpeza. Você pode compartilhar em nosso canal de telegram, ou em nossa página de substack em que este artigo aparece, ou com SubscribeStar , onde você também pode ouvir o podcast completo sobre este tópico!


Fizemos o nosso trabalho, agora faça o seu e compartilhe :) Telegram da Inelia em Português: https://t.me/ineliapt



Tradução: Scheila Adriane


36 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentários


  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram
bottom of page